fbpx

Ilhas do Caribe: Recuperadas totalmente?

Ilhas do Caribe: Recuperadas totalmente?

Setembro e outubro de 2017 foram meses trágicos para as ilhas do Caribe. A sequência de furacões – Harvey, Irma, José e Maria – deixou rastro de destruição e morte pelas ilhas, que costumavam ser paraísos de turistas. Muitos destinos, no entanto, começam a se mostrar recuperados e prontos para receber os turistas para a temporada de fim de ano.

Porto Rico, Ilhas Virgens Britânicas, Anguilla, St. Maarten, Aruba, Cartagena, e muitas outras, em sua maioria, se recuperam bem. Os aeroportos ja estão em funcionamento, apenas alguns, a partir de novembro reabriram para desembarque de turistas. Os empreendimentos hoteleiros retomaram os serviços de comunicação, de elétrica e de gás, e vivem a expectativa de retomar totalmente as atividades no próximo mês.

Os hotéis boutique, por sua vez, estarão em atividade para o Natal. Shoal Bay Villas e Paradise Cove, por exemplo, acomodam trabalhadores humanitários e funcionários do governo do Reino Unido. A reabertura gradual para os demais hóspedes é prevista para novembro, assim como em diversos outros empreendimentos.

 

Vai ter mais furacão este ano?

Furacão Irma devasta ilhas do leste do Caribe.

 

Os furacões são previstos com 10 a 7 dias de antecedência, e sua rota é sempre aproximada. Se você não quer correr o risco de pegar furacão no Caribe, não programe viagens na zona sujeita a furacões entre agosto e novembro. Se você tem viagem marcada entre agosto e novembro, saiba que existe, sim, a possibilidade — remota, mas existe — de passar um furacão

O problema maior é a chuva, mesmo. Tempestades tropicais (que não chegam a ser furacões) se formam várias vezes no semestre, e quando passam deixam o tempo chuvoso por vários dias seguidos, estragando a viagem.

Viaje a Punta Cana entre dezembro e julho. A alta temporada vai do Natal à Páscoa. Para pegar a melhor combinação de tempo bom e preços em conta, vá depois da Páscoa e antes de agosto.